VIDEO DE MÊS

FOTO DA SEMANA

Não, na FOTO DA SEMANA não postamos somente imagens acerca da Tailandia.
Esta em especial me impressionou bastante por se tratar de algo talvez inevitável... a entrada de tantos e tantos estrangeiros para visitrar e ´´salvar´´ outras civilizações... que alteram por completo a cultura, as raizes, a vida dos nativos...
A imagem foi retirada de uma matéria da Revista NATIONAL GEOGRAPHIC (março 2010), você pode clicar no título da Matéria para saber/ler mais.

Última Fronteira da África
By Neil Shea
"O Vale do Omo - Etiópia ainda é um lugar governado por rituais de vingança. Mas a mudança está chegando, do alto do rio."



Photograph by Randy Olson
"O contato com os turistas, missionários, comerciantes entre as tribos de Omo trouxe maior acesso a mercadorias estrangeiras como roupas, esmaltes para as unhas e bombas d´água. Numa manhã antes de uma festa local, uma jovem mulher Kara preparava-se para adicionar um "sutiã" ao seu traje."

CURIOSIDADES DA TAILANDIA (RC)

* O SAWADEEKHA, é a saudação do tailandes! sempre unindo as mãos diante da face e inclinando-se ligeiramente para a frente;

** aqui eles dirigem os veiculos pelo lado DIREITO, é a conhecida ´´mão inglesa´´;

*** BANGKOK é a Capital da Tailandia. Muita gente não sabe, mas seu nome é derivado de ´´Bang Makok´´, ´´BANG´´ representa o nome em tailandês do Centro de determinadas cidades ou vilarejos situados na margem de um rio, e ´´MAKOK´´ representa o nome em tailandês de uma árvore chamada ´´Spondias dulcis´´ que produz uma fruta amarela, ameixas amarelas. (Fonte: Pattaya People Weekly, Issue 216)

**** quando o Feriado "cai" num sábado ou domingo, ele é transferido para "segunda"...

***** a vassoura utilizada para limpar é realmente algo diferente! E ela é usada tanto para nas ruas quanto nas casas... sejam elas de 30 m2 ou 800 m2... dá para imaginar que elas fiquem limpas realmente?


****** e os trabalhadores braçais, digamos assim, estão sempre encapuzados, e todos cobertos com mangas longas e até casacos, para se proteger do sol...






*******Ah! as costureiras, na verdade são em geral ´´costureirOs´´ (homens), e eles costumam ficar nas calçadas das ruas, oferecendo e fazendo, seu trabalho.


******** existe hora certa para comprar bebida alcoólica seja aonde for... tres horas da tarde , por exemplo, não pode. mas não me pergunte por que!



********* os tailandeses vão vestidos a praia e tomam banho de mar assim, e ainda levam para a água grarda-sol, ops! este é um guarda-chuva!





********* e finalmente, este é o dinheiro da Tailandia: TBH (le-se "thaibah") , e a bandeira nacional.


E, lembre-se, agora, todo útimo domingo do mês, traremos mais CURIOSIDADES DA TAILANDIA.
(RC)

MINHA GAROTA TAILANDESA E EU, por Andrew Hicks

O título original desse livro é MY THAI GIRL AND I  e quando o vi entre muitos outros do genero numa prateleira de uma livraria aqui da Thai resolvi procurar sobre ele na internet. E foi com grande e agradavel surpresa que encontrei material oficial sobre ele, com um site do proprio autor e seu BLOG, contando sua história, sua vida na Thai e seu trabalho literário.
Ele é um exemplo daquilo que tentei contar no meu POST A NOVA FAMILIA TAILANDESA, e na meniera como encaro tantas moças tailandesas com seus pertners estrangeiros (re)povoando esse País.

Aqui transcrevo parte de uma de suas entrevistas. Se você quiser saber mais, basta visita-lo no site sobre o livro (clique no tiutlo) ou no seu BLOG (clique no destaque acima).

"Então, quando você começou a vir para a Tailândia?
Em finais dos anos setenta.

Por quê?
Eu vivia em Hong Kong e Singapura e então nós viemos para férias em família.

Férias em família?
Sim, com minha esposa e filho Inglês.

Como foi a Tailândia volta, então?
Em muitos aspectos, era exatamente o mesmo. Bangkok tinha trânsito graves, a poluição, as meninas bonitas ... Patpong e Pattaya eram totalmente selvagens. Desde então, Bangkok tem mais alto, as saias que tenho mais tempo e do espaço rural é talvez mais desenvolvido. As cidades são muito maiores e Brasher, mas quanto mais ele muda a mais que permanece o mesmo.

Você está casado com uma mulher tailandesa agora?
Sim.

Há quanto tempo você foi casado?
Quatro anos, embora nós estivemos juntos por mais tempo.

E você se mudou para cá por causa dela?
Não exatamente. Sobre a reforma antecipada, comecei a passar os invernos na Tailândia, e como eu era solteiro, depois de um tempo o inevitável aconteceu. Com uma namorada tailandesa, de repente eu não era um estranho mais. Eu tinha uma família e uma casa e assim que me acomodei.

Assim, o motivo pelo qual você será conhecido entre meus leitores é por causa do seu romance, THAI GIRL. Você quer me contar um pouco sobre ele? Estou envergonhado de dizer que eu pessoalmente não tenha lido ainda!
Quando eu era primeiro aposentado, voltar a sudeste da Ásia foi um movimento natural. Eu odeio invernos Inglês assim que eu encontrei-me viajar pela Tailândia e no resto do Sudeste da Ásia como um motel, revisitando velhos fantasmas. Mais e mais eu deslocaram-se para a Tailândia, meu companheiro de um caderno em que eu gravei as minhas experiências e impressões. Direito Eu fui um escritor de toda a minha vida, meu assunto é bastante seco, a saber acadêmico. Eu sempre quis escrever algo com um melhor argumento e eu descobri que havia coletado material muito rico que queria stitch-lo juntos em uma história. Como assunto é a Tailândia, uma história de amor era inevitável.

Eu não queria escrever ainda um outro sobre bargirls então eu escrevi o que é, talvez, um primeiro literária, ou seja, a história da mulher tailandesa que diz não a um Farang plausível passagem. É sobre um jovem inglês, Ben e sua amizade com um massagista praia chamada Fon e como ele aprende sobre si mesmo e à Tailândia através de uma relação de montanha-russa com seu sonho asiático. Se você olhar para os meus leitores no Fórum sobre www.thaigirl2004.com, tenho certeza que você vai ser persuadido a lê-lo!

Assim, o livro não tem prostitutas e não sexpats?
Há duas prostitutas e sexpats nele. A história é sobre a reação dos viajantes ocidentais na Tailândia e, claro, uma das coisas que fascina é a vida noturna. (...) Assim como todos os outros Bens, ele visita bares em Bangkok e fala longamente sobre a praia para seus amigos e sobre meninas tailandesas. Ele também encontra Jack Russell, o turista que pensa em sexo, que o leva a um passeio educativo da cena da barra Sukhumvit e de Jack, Ben aprende tudo sobre sexo-pago na Tailândia.
Então, nessa medida, não são prostitutas e sexpats... mas você tem que decidir se Ben torna-se pessoalmente envolvido ou não, quando você lê o livro.

NOSSAS COISAS SELVAGENS

Gostaria de reproduzir aqui, na integra, o incrivel POST do BLOG "TERRA DO NUNCA", mas como não sei se posso, convido-os para dar uma olhada, ops!  leitura! Vale a pena se você tiver um tempinho extra! especialmente se você gosta de CINEMA e/ou TEM FILHOS PEQUENOS.

Meu abraço!
(RC)

TE AMO, Tom Jobim & Chico Buarque

Até hoje ainda não havia, aqui, declarado meu imenso amor por TOM JOBIM & CHICO BUARQUE.
Assim, publico letra e musica, com video de uma das mais belas, embora triste, musicas de que gosto e está entre as minhas favoritas.



"Ah, se já perdemos a noção da hora
Se juntos já jogamos tudo fora
Me conta agora como hei de partir

Se, ao te conhecer, dei pra sonhar, fiz tantos desvarios
Rompi com o mundo, queimei meus navios
Me diz pra onde é que ainda posso ir

Se nós, nas travessuras das noites eternas
Já confundimos tanto as nossas pernas
Diz com que pernas eu devo seguir

Se entornaste a nossa sorte pelo chão
Se na bagunça do teu coração
Meu sangue errou de veia e se perdeu

Como, se na desordem do armário embutido
Meu paletó enlaça o teu vestido
E o meu sapato ainda pisa no teu

Como, se nos amamos feito dois pagãos
Teus seios ainda estão nas minhas mãos
Me explica com que cara eu vou sair

Não, acho que estás te fazendo de tonta
Te dei meus olhos pra tomares conta
Agora conta como hei de partir"
Compositor(es):  Antonio Carlos Jobim e Chico Buarque

MAKABUCHA DAY - Thailand, 28 de fevereiro!


"Dia 28 de Fevereiro, na Tailandia, comemora-se o "Dia de Makabucha.
Este dia teria se originado a partir de um especial encontro de 1250 discípulos do Senhor Buda reuniram-se para ouvir o discurso de Darma depois "enlightment" de Buda.
Este dia é um feriado religioso. As cerimonias tem seu lugar nos templos. A noite ou de tarde, procissões "candlelit" (é chamado การเวียนเทียนรอบโบสถ์สามรอบ) acontecem. Monges e a população local vão a pé e dão três voltas ao redor do edifício principal do Templo:

- uma vez para o senhor Buda
- uma vez para a Sangha, ou seja, Comunidade de monge budista
- uma vez para o Darma, isto é, os ensinamentos budistas

Monges mantem um "thread" sagrado e uma vela. Fiéis budistas vão segurando uma vela, incenso ou flores de lotus. Os budistas vão para os templos acender tais velas em procissões, como parte das atividades neste dia religioso. Outras atividades incluem oferendas e ouvir ensinamentos dos monges. Atividades são organizadas em quase todos os templos.
De tão importante data, a festa religiosa costuma elevar o preço de venda e varejo de flores de Lótus que budistas usam para adorno. Fornecedores triplicam suas ordens diárias e o preço de venda a varejo dobra!"

CURTINHAS DA TAILANDIA! (RC)

I- Outro dia fui comprar uns vestidinhos. Barganhei, barganhei, barganhei (eles adoram isto por aqui) até obter um bom preço (“it´s good for you, it´s good to me”, eles dizem) e percebi que estava sem dinheiro “vivo” (aqui, faz-se 70% das compras com dinheiro vivo, mais 20% no cartão de débito e só por fim, uns 10% no cartão de crédito – é bom para a economia do bolso (porque se sabe efetivamente o que se gasta e não se faz dividas para o dia seguinte). Para não perder a venda, sabe o que o rapaz que me atendia fez? Largou a vendinha SOZINHA (pois ele era o único vendedor) e foi me levar até o CAIXA ELETRÔNICO mais próximo! Não tão próximo assim... Assim, ele garantia a venda, era simpático comigo, e se assegurava que eu não ia me perder! E no nosso Pais? Confiar? A gente ia achar que ele estava indo lá para nos assaltar, não?! E a vendinha dele? Ficou sozinha ! Com o dinheiro e as mercadorias! Ninguém mexeu! No Brasil, encontraria os vestidinhos intactos? Outro dia, numa dessas lojinhas tinha uma plaqueta escrito: “call me: mobile tal”! Como assim? Largou tudo lá, sozinho, e foi aonde????!


II- Essa história já aconteceu há um tempinho, mas vem bem a calhar com o nosso VIDEO mais recente (Meu Jardim na Tailândia, pois a música que lá toca foi extraída dessa historia). Procurando “música tipica tailandesa” para usar no BLOG, fui a uma loja especializada e pedi ao rapaz ”por favor, um CD com música tipica tailandesa” e sabe o que ele me deu? Um CD intitulado “BOSSA NOVA”! Dai eu respondi: “mas isso e música tipica do Brasil!”. E sabe o que ele fez? Me deu as costas e me deixou falando sozinha! Eu ainda fiquei com o CD na mão, parada lá, por um bom tempo, esperando ele voltar (achei que tinha ido perguntar ou pedir ajuda a alguém)… mas ele não voltou… Depois eu soube, em conversa com amigas que já moram aqui a bastante tempo que o Tailandês não conflita (pelo Budismo) e assim, para não te contrariar, ou quando ele se sente ofendido, ele vira as costas e te deixa lá, “com o CD na mão”!

III- Ah! Essa é ótima! Mas não necessariamente uma história tailandesa. Eu diria internacional: eu, e meu inglês macarrônico... perguntei a minha maid (que vocês já conhecem, meu cão-de-guarda): “K. Moi, onde está o meu DUREX? Eu estou procurando há horas, e não acho meu DUREX! Será que as crianças pegaram meu DUREX???” E eu fiz isso váaaaaaaaaaaarias vezes, até perceber/descobrir que DUREX aqui (e na Europa ao que eu fiquei sabendo também) é CAMISINHA!!!! Coitada!!!! Por isso ela nem respondia! Saia andando de fininho!

IV- Depois eu conto mais!
(RC)

PÍLULAS (RC)

I- Decidi não transcrever aquele sonho maluco que eu tive, conforme prometido porque ele já foi por mim pensado e analisado... e era mesmo um sonho daqueles malucos: eu andava pelo meio da Rua do Leblon, em direção a praia, o asfalto quente estourou sob uma bolha nos meus pés e eu virei um balão. Só não sai voando porque meu marido me segurou pelas pernas. E por ai foi. Findo o sonho, como dissee, analisado foi (será que minhas amigas e meus leitores terpeutas-psicologos-e afins iriam concluir o mesmo que eu? Bem, agora não vou saber…

II- Quanto mais descanço, mais cansada fico.

III- Minnha mãe esta aqui conosco na Tailandia… Tudo tudo ótimo! Mas alguém pode me explicar porque é tão dificil educar um filho quando a avó está por perto?

IV- Este BLOG ainda não tem um ano, e assim, existem coisas que ainda não sei sobre esse Mundo Blogueiro! Alguém pode me dizer o que é MEME?

V- Meu amigo dos tempos antigos que veio nos visitar já voltou para a França, como sabem (é brasileiro, mas mora lá), já mandou recadinho no Orkut, ja telefonou. Obrigadaaaaaaaaaaaa! Mas ele ficou com uma grande preocupação: “Como retribuir em EURO?????”!

VI- Agora, sempre no último domingo do mês, vou postar CURIOSIDADES SOBRE A TAILANDIA, OK?

VII- Melancolia é saudade?

VIII- “Certas coisas precisam acontecer na medida e no tempo certos” (Maktub)

IX- Por que ninguém chora no aeroporto?
Todo mundo está feliz? Ninguém deixou nada importante no aeroporto ou no ponto de partida? Nada? Essas pessoas sempre vão e vem o tempo todo? Só diversão? Só turismo? Obrigação?
Um dia, numa dessas viagens a moça que sentara ao meu lado no avião começou a chorar incontrolavelmente (mas discretamente) logo que embarcou. Eu ofereci-lhe lencinhos de papel… depois ela disse que chorava por pura emoção… pore estar voltando ao Brail… em férias… deixara um filho pequeno lá… era manicure num pais europeu (agora não me lembro exatamente onde – ela já tinha passado por conexão...).

X- ”REGOZIGE-SE de sua liberdade. Sua liberdade pode trazer-lhe inumeras escolhas as quais você nem imagina” (não sei quem escreveu ou da onde eu peguei…)

XI- “Porque só a coragem no caminho faz com que o caminho se manifeste” (idem)

XII- A manicure na Europa… estava bem, sem duvida, mas saudosa…

XIII- Algumas (??????) mulheres precisam ouvir o “eu te amo” com certa (??????) frequencia, como que se isso lhes bastasse para ter (????) certeza e não ficassem confusas.

XIV- Uma vida mediocre pode ser confortável. Você sobrevive sem grandes lutas, sem grandes questões e todos os dias parecem iguais: você está salvo/seguro.
Mas um barco está salvo/seguro no porto, e pode ser até usado como um doce lar, mas… ele foi feito para que? Para ir ao mar ou viver no porto?

XV- ”A linguagem dos sinais está a nossa frente, para nos ensinar a melhor maneira de agir. Entretanto, muitas vezes tentamos distorcer estes sinais – de modo que eles ”concordem” com aquilo que queremos fazer de qualquer maneira. ” (este aqui eu achei anotado nos meus guardados, sinceramente não sei se escrevi ou transcrevi de algum lugar...)

XVI- “O AMOR É TERNURA. SEJA DOCE, AJA COM DOÇURA.” (idem)
(RC)

VIVA! FICAMOS (BEM) ENTRE OS CEM CLASSIFICADOS!

Queridos Todos,
E com imensa alegria que escrevo para contar que o "UMA ESPOSA EXPATRIADA" ficou em 31. lugar naquela competicao "IX10 (International Exchange & Experience 2010) do site bab.la and Lexiophiles presenteando os leitores com a apresentação do 100 melhores blogs e blogueiros que vivem no exterior. E levando-se em conta que ainda estamos comecando... nem completamos um ano... Uau!


The Top 100 International Exchange and Experience Blogs 2010 by bab.la and Lexiophiles

Mil beijos e obrigada a quem startou isso tudo com a primeira indicacao (eu realmente nao sei quem foi) e a todos os demais que torceram, apoiaram e/ou votaram!
(RC)
Nota (RC): Para conhecer os demais classificados clique aqui IX10 - Top 100 Exchange and Experience Blogs 2010

FOTO DA SEMANA

Finalizando as homenagens ao Ano Novo Chines, mais um Tigre para embelezar nosso POST semanal.
Trata-se de um  trabalho do artista Craig Tracy, publicado na Revista Hello!, no. 1108
(RC)

FOTO DA SEMANA - EXTRA!

Para não dizer que passamos o Carnaval em branco por aqui... fomos ao ZICO´S BAR (um Restaurante Brasileiro aqui em Pattaya), ver a Linda Passista sambar! com todos os amigos brazukas, no sábado último.  Quando tocaram "Sou Brasileiro... com muito orgulho..." tremi nas bases e me deu imensa vontade de chorar! Pura emoção! E a moça... bem, Deus estava com bastante tempo ao faze-la: o fez com pincel, com calma... Linda!
(RC)

Amor Matemático

"Um Quociente apaixonou-se
Um dia
Doidamente
Por uma Incógnita.
Olhou-a com seu olhar inumerável
E viu-a, do Ápice à Base...

Uma Figura Ímpar;
Olhos rombóides, boca trapezóide,
Corpo ortogonal, seios esferóides.
Fez da sua
Uma vida
Paralela à dela.

Até que se encontraram
No Infinito.
'Quem és tu?' indagou ele
Com ânsia radical.
'Sou a soma do quadrado dos catetos.
Mas pode chamar-me Hipotenusa.'

E de falarem descobriram que eram
O que, em aritmética, corresponde
A alma irmãs
Primos-entre-si.

E assim se amaram
Ao quadrado da velocidade da luz.
Numa sexta potenciação
Traçando
Ao sabor do momento
E da paixão
Rectas, curvas, círculos e linhas sinusoidais.

Escandalizaram os ortodoxos
das fórmulas euclidianas
E os exegetas do Universo Finito.
Romperam convenções newtonianas
e pitagóricas.

E, enfim, resolveram casar-se.
Constituir um lar.
Mais que um lar.
Uma Perpendicular.

Convidaram para padrinhos
O Poliedro e a Bissectriz.
E fizeram planos, equações e
diagramas para o futuro

Sonhando com uma felicidade
Integral1E diferencial.
E casaram-se e tiveram
uma secante e três cones
Muito engraçadinhos.
E foram felizes

Até àquele dia
Em que tudo, afinal,
se torna monotonia.
Foi então que surgiu
O Máximo Divisor Comum...
Frequentador de Círculos Concêntricos.
Viciosos.

Ofereceu, a ela,
Uma Grandeza Absoluta,
E reduziu-a a um Denominador Comum.

Ele, Quociente, percebeu
Que com ela não formava mais Um Todo.
Uma Unidade.
Era o Triângulo,
chamado amoroso.
E desse problema ela era a fracção
Mais ordinária.

Mas foi então, que Einstein descobriu a Relatividade.
E tudo que era expúrio passou a ser Moralidade
Como aliás, em qualquer Sociedade."

(Recebido por email, de autoria desconhecida)

TODO MUNDO TEM UMA TIA ZEZÉ! (RC)

Eu tenho uma Tia Zezé, e garanto que você também tem uma. Todo mundo tem. Bem, se não tem… perdeu um pedaço gostoso da vida… o de ser sobrinho… de uma Tia Zezé.

Lembro de prestar atenção nela e nas coisas que ela fazia desde pequena: no jeito que se cuidava e que era vaidosa (e ainda o é! e quanto!), no fato de ir ao médico regularmente (não que estivesse doente, nem que fosse hipocondriaca, mas que se cuidasse muito), na maneira como descia a ladeira da rua em que mora até hoje… com o caderninho de anotações na mão, onde anotava tudo o que ia fazer na Rua Alfed (ou mesmo ali perto, na banca ou quitanda) - gostava de escrever com esferográfica vermelha, eu me lembro bem!
Ela é aquela Tia que não se casou, não teve marido, nem filhos (uma amiga ri e brinca dizendo que é por isso que ela tem tanto vigor e é tão bem conservada!). Mas acho que ela deve ter sido uma filha melhor que se tivesse sido esposa, ou uma irmã melhor que se tivesse se casado, ou uma tia melhor que se tivesse sido mãe... a isso deve!
Ela conhece cada membro da familia em detalhes, mesmo aqueles sobrinhos-bisnetos que nem sabem direito quem ela é, ou o que representa na familia… sem precisar dizer que é o membro mais velho dela. É aquela Tia que liga sempre nos aniversários (até aniversário de casamento, ou da sogra da gente), no Natal e Ano Novo, etc.

É aquela Tia que apesar de seus 85 anos, faz aulas de ginástica, computação, inglês! Que trabalha na Igreja do Bairro, que mora sozinha e viaja pra cá e pra lá para ver o bebe que acabou de nascer, aquele que se casou, ou mesmo aquele que se operou…
É aquela Tia que te conta um episodio do “Sex in The City”, quando você nem conhecia o Seriado, ainda! e que enche sua CAIXA POSTAL com dezenas de emails "de repasse", todas as semanas!
Sabe aquela Tia que a gente, quando criança, faz roupa de jornal, brinca de manicure-pedicure-cabeleireiro (tudo ao mesmo tempo)? Pois é... e é também aquela que sempre que te encontra tem um “envelopinho” pra você... com aquele dinheirinho que você estava mesmo precisando!
E foi aquela que ao ler meu POST da semana passada, me ligou correndo, preocupada com meu humor… viu que eu estava diferente, um pouco triste... Ela, aliás, acompanha esse BLOG como ninguém!

E… ainda faz Escola, posto que minha Irmã – justiça seja feita – é uma verdadeira Tia Zezé para meus filhos!
Então… obrigada, querida Tia, sinceramente. Pelos tempos de menina, e pelos tempos de agora.

Viva muito! Viva bem! Viva sempre entre nós!
(RC)

Ensinamentos...

Este texto circula na internet que dá sua autoria a Sra. Regina Brett, 90 anos de idade, em "The Plain Dealer", Cleveland , Ohio. Em homenagem a minha Tia Zezé, ai vai:

"Para celebrar o meu envelhecimento, certo dia eu escrevi as 45 lições que a vida me ensinou. É a coluna mais solicitada que eu já escrevi."
Meu hodômetro passou dos 90 em agosto, portanto aqui vai a coluna mais uma vez:
1. A vida não é justa, mas ainda é boa.
2. Quando estiver em dúvida, dê somente, o próximo passo, pequeno .
3. A vida é muito curta para desperdiçá-la odiando alguém.
4. Seu trabalho não cuidará de você quando você ficar doente. Seus amigos e familiares cuidarão. Permaneça em contato.
5. Pague mensalmente seus cartões de crédito.
6. Você não tem que ganhar todas as vezes. Concorde em discordar.
7. Chore com alguém. Cura melhor do que chorar sozinho.
8. É bom ficar bravo com Deus. Ele pode suportar isso.
9. Economize para a aposentadoria começando com seu primeiro salário.
10. Quanto a chocolate, é inútil resistir.
11. Faça as pazes com seu passado, assim ele não atrapalha o presente.
12. É bom deixar suas crianças verem que você chora.
13. Não compare sua vida com a dos outros. Você não tem idéia do que é a jornada deles.
14. Se um relacionamento tiver que ser um segredo, você não deveria entrar nele.
15. Tudo pode mudar num piscar de olhos. Mas não se preocupe; Deus nunca pisca.
16. Respire fundo. Isso acalma a mente.
17. Livre-se de qualquer coisa que não seja útil, bonito ou alegre.
18. Qualquer coisa que não o matar o tornará realmente mais forte.
19. Nunca é muito tarde para ter uma infância feliz. Mas a segunda vez é por sua conta e ninguém mais.
20. Quando se trata do que você ama na vida, não aceite um não como resposta.
21. Acenda as velas, use os lençóis bonitos, use lingerie chic. Não guarde isto para uma ocasião especial. Hoje é especial.
22. Prepare-se mais do que o necessário, depois siga com o fluxo.
23. Seja excêntrica agora. Não espere pela velhice para vestir roxo.
24. O órgão sexual mais importante é o cérebro.
25. Ninguém mais é responsável pela sua felicidade, somente você.
26. Enquadre todos os assim chamados "desastres" com estas palavras 'Em cinco anos, isto importará?'
27. Sempre escolha a vida.
28. Perdoe tudo de todo mundo.
29. O que outras pessoas pensam de você não é da sua conta.
30. O tempo cura quase tudo. Dê tempo ao tempo..
31. Não importa quão boa ou ruim é uma situação, ela mudará.
32. Não se leve muito a sério. Ninguém faz isso.
33. Acredite em milagres.
34. Deus ama você porque ele é Deus, não por causa de qualquer coisa que você fez ou não fez.
35. Não faça auditoria na vida. Destaque-se e aproveite-a ao máximo agora..
36. Envelhecer ganha da alternativa ´´morrer jovem´´.
37. Suas crianças têm apenas uma infância.
38. Tudo que verdadeiramente importa no final é que você amou.
39. Saia de casa todos os dias. Os milagres estão esperando em todos os lugares.
40. Se todos nós colocássemos nossos problemas em uma pilha e víssemos todos os outros como eles são, nós pegaríamos nossos mesmos problemas de volta.
41. A inveja é uma perda de tempo. Você já tem tudo o que precisa.
42. O melhor ainda está por vir.
43. Não importa como você se sente, levante-se, vista-se bem e apareça.
44. Produza!
45. A vida não está amarrada com um laço, mas ainda é um presente."

Nota (RC ): Recebido, por email, da amiga Lia - obrigada.

FOTO DA SEMANA - EXTRA!

FELIZ ANO NOVO CHINES! MAIS UMA CHANCE DE ANO NOVO!
O ANO DO TIGRE!
Aqui temos o Ano NovoTailandes, o Chines, e o nosso... Ocidental! TRES CHANCES para recomeçar... não é incrivel? Eu li nesses dias, em algum lugar, que talvez o maior "motivador" para se comemorar e se depositar tanta esperança numa "data" tão especifica, é que o Ano Novo representa (e "é") para as pessoas o "delimitador" entre PASSADO & FUTURO! Taí! Gostei!
(RC)

FOTO DA SEMANA

Desejo-lhes flores, para começar bem a Semana e o Ano Novo Chines! O Ano do Tigre!
E, por isso, preparei um VIDEO novo, Só COM FLORES DO MEU JARDIM aqui na Tailandia. Espero que gostem!
(RC)
Ei! Agora tem uma pagina só para os VIDEOS! Fique ligado no caput!

CURSO RAPIDO DE ECONOMIA (vamos rir, ops! entender)

"Um viajante chega numa cidade e entra num pequeno hotel. Na recepção, entrega duas notas de R$100,00 e pede para ver um quarto.

Enquanto o viajante inspeciona os quartos, o gerente do hotel sai correndo com as duas notas de R$100,00 e vai até o açougue pagar suas dívidas com o açougueiro.

Este pega as duas notas e vai até um criador de suínos a quem, coincidentemente, também deve R$200,00 e quita a dívida.

O criador, por sua vez, pega também as duas notas e corre ao veterinário para liquidar uma dívida de... R$200,00.

O veterinário, com a duas notas em mãos, vai até a zona quitar a dívida com uma prostituta. cooincidentemente, a dívi da era de R$200,00.

A prostituta sai com o dinheiro em direção ao hotel, lugar onde, às vezes, levava seus clientes e que ultimamente não havia pago pelas acomodações. Valor total da dívida: R$200,00. Ela avisa ao gerente que está pagando a conta e coloca as notas em cima do balcão.

Nesse momento, o viajante retorna dos quartos, diz não ser o que esperava, pega as duas notas de volta, agradece e sai do hotel.

Ninguém ganhou ou gastou nenhum centavo, porém agora toda a cidade vive sem dívidas, com o crédito restaurado e começa a ver o futuro com confiança!

MORAL DA HISTÓRIA:
NÃO QUEIRA ENTENDER ECONOMIA"
(Recebido por email, de autoria desconhecida) 

DE MÃOS ATADAS (editado) (RC)


"DE MÃOS ATADAS" e o título do recente POST de MARTHA MEDEIROS a quem tanto gosto. E antes mesmo de ler o POST e saber do que se tratava, resolvi que a parafrasearia nesta semana, ao menos no título.
Por que?
Porque são muitos os momentos que me sinto de MÃOS ATADAS. Especialmente quando tento explicar alguma coisa (de modo geral simples, até) e não consigo me fazer entender. Então, acho que não são “mãos atadas”, mas “boca amordaçada”.
Ela falava lá sobre coisas que escreveu sob um contexto e que outras pessoas tentam transportar para outro contexto… ou, pior, ainda fazem “incerções malicosoas” e as dão como “dela”.
Também já fui muitas vezes vítima de situação semelhante, quando tentaram dizer o que eu não disse. Vítima de mim mesma, eu diria, pois pelo meu temperamento “para fora” muita gente maldosa usou meu nome para fazer intriga entre os meus (ou os seus). E esses, se acreditaram e se afastaram, hoje vejo que me fizeram um favor: pois não quero ninguém que não me tem confiança perto de mim, porque uma coisa eu sou: CONFIÁVEL, VERDADEIRA, e FIEL. E mais! jamais magoaria uma pessoa - amigo ou não - "de propósito", por perversidade, por esporte, por exemplo; e se um dia, a qualquer tempo, eu descubro que "pisei na bola" peço desculpas NA HORA!

Se alguém te conta um absurdo a meu respeito e você acredita primeiro “nele” antes de se asseverar da verdade, é porque não me conhece mesmo! Quando comecei a namorar meu marido eu fui logo dizendo pra ele: se alguém te disser que me viu abraçada a “um outro homem” ou de mão dada com ele… primeiro descubra quem era o “homem”… talvez seja um primo ou meu melhor amigo!
 
Ouvi algumas criticas quando pequena do tipo: você não sabe dançar; você não sabe cantar; você não tem habilidades manuais; você não tem habilidade com crianças; dentre outras. E depois de mais velha, sim, você não sabe amar também.
É verdade, quem me disse isso estava certo: eu não sei amar. Não sei amar se isso significa dizer só amenidades, se significa só beijar e abraçar,  se significa só agradar (hipocritamente pela frente e criticar na primeira virada de costas). Não sei amar sem me entregar, sem me envolver, sem bem querer. Sem dizer o que eu penso, e (principalmente) porque penso.
Nos outros quesitos a pessoa estava errada. Sei dançar com meu marido (com os outros homens eu piso no pé, é verdade!); sei cantar muito bem para os meus filhos, pois os faço dormir sob as cantigas de criança que um dia ouvi da minha mãe; sei fazer um monte de enfeitinhos de aniversário, de envelopes coloridos, de álbuns customizados, tudo com muito capricho e carinho; tenho tanta habilidade com crianças quanto me é possível criar bem meus filhos, ser alegre e engraçada para os seus amigos; etc.

E o que eu te diria sobre ter O REI NA BARRIGA ou ser A DONA DA VERDADE?
Puxa! Logo eu que estou sempre dizendo que minha existência é um eterno aprendizado! que estou sempre buscando o melhor para mim, sim, e para os que passam por mim, sim! E, acredite: não é o “meu melhor”, pois olho a cada UM como ÚNICO NO MUNDO, e não ponho todo mundo no mesmo saco!
Talvez eu “fale demais”... estou sempre contanto em voz alta o que passa pela minha cabeça... sempre gosto de “dar palpite”, porque não consigo ver alguem que precisa de ajuda e/ou apoio e não estender-lhe a mão, sempre estou procurando estar onde posso ajudar, com coisas simples, como – atravessar um transeunte na rua ou fechar o carrinho de bebe de alguém para enfiar no porta-malas do carro... Eu sou assim.
Mas tem sempre o "do contra", não tem? Que parece que está sempre na espreita, esperando um deslize seu, um erro, um engano, para poder dizer: "tá vendo? eu sabia! bem-feito! caiu do pedestal, né?"
Por isso me identifiquei tanto quando ouvi uma entrevista do rabino NILTON BONDER no programa da MARCIA PELTIER quando estava ai no Brasil. Por coincidencia eu o conheci pessoalmente uns dias depois, e me apresentei a ele (fiz questão de apertar-lhe a mão e sair dali e comprar seu livro "Tirando Os Sapatos"). Ele fala em “Esvaziar-se intelectualmente”, e é exatamente assim que me sinto, quando converso com meus amigos, quando escrevo este BLOG! preciso esvaziar-me para encher-me...

Então, nada me resta mais a dizer por hoje, e findo com o que já consta num dos TAGs desse BLOG: a frase deste Pensador (TAGORE) de quem conheço apenas isto, “Como sabereis o quanto ele pode ser amado se tentais pesar-lhes as qualidades e os defeitos?”

(RC)
NOTA (RC): eu sempre tive curiosidade em entender o Judaísmo, sem muito sucesso, confesso. Se você quiser ver um pouquinho mais... quem sabe esse Programa do MAIS VOCÊ, da TV GLOBO, com entrevista do citado Rabino Nilton Bonder, tire algumas de suas duvidas... basta clicar aqui e mais aqui.

Traducao em tempo real

Gente! Eu adorei esse site, com UM TRADUTOR DE TEXTO AUTOMATICO, em tempo real: voce vai escrevendo de um lado e vai saindo traduzido do outro lado, imediatamente! Vale a dica! Clique aqui!

Nota (RC): Dica recebida por email, que aqui compartilho.

Compartilhando a arte e o ensinamento ao desapego

 É um trabalho impressionante dos monges budistas que fazem as mandalas de sal colorido.



Feitas com o maior cuidado e com a maior dedicação, elas são desmanchadas logo depois de prontas para demonstrar a transitoriedade das coisas na vida, mesmo que elas exijam o maior esforço.
Assim é que nós devemos encarar o dia-a-dia. E sempre prontos para começar tudo de novo, se preciso for.


Perca o referencial de vez em quando.
Saia de sua zona de conforto.
Dê oportunidade ao imprevisível.
Nada é mais certo do que a incerteza.
As coisas têm o valor que nós damos a elas.


"Panta Rei" é uma expressão do pensador Heráclito, que significa TUDO MUDA ( tudo flui, nada persiste ) - e ele usava como metáfora filosófica a idéia de pisar num Rio, que um milésimo de segundo depois de pisado, já não era mais feito da mesma água.

A Saúde - A nossa maior dádiva!
A Oração - A solução para os dias atuais com a Terra em transição!
A PAZ - Busque-a na sua Energia Vital, no interior do seu ser!
O Amor - O elo, a razão e o entendimento para tudo!
O Perdão - A ascensão espiritual!
O Trabalho - É o nosso estímulo!
A Humildade - É a sabedoria!
O Orgulho - é a maior DOENÇA da ALMA!"


(Texto de autoria desconhecida, recebido por email da minha Cun-cun)

FOTO DA SEMANA (RC)

PARECE ATÉ QUE FOI BRINCADEIRA NOSSA, NÃO É? OU DE PROPÓSITO, SÓ PARA PÔR NO BLOG, NÉ?
Mas na realidade foi uma deliciosa coincidencia! Hoje fomos passear no SANTUÁRIO DA VERDADE (veja no POST SEGUINTE) e para conhecer o local é preciso descer uma razoável altura, através de uma escada com muitos, muitos degraus. Assim, quando o passeio terminou e estavámos nos preparando para ´´subir´´´de volta, uma das mocinhas que trabalha como Guia no local ofereceu para mamãe e as crianças (no caso vovó e netinhos) irem com ela de MOTOCA ATÉ LÁ EM CIMA! Minha velhinha topou na hora! Não é o máximo???
Se você está na França, visite o Louvre; se está na Itália, visite o Papa, se está na Tailandia, ande com crianças nas motocas! rsrsrsrs! (não me levem a serio, desta vez, OK?)
(RC)

SANTUÁRIO DA VERDADE - TAILANDIA

Hoje estivemos visitando o SANTUÁRIO DA VERDADE, aqui perto de casa. O lugar é imcrivel.
Abaixo segue um texto que não é meu, mas explica um pouco do que encontramos por lá!

"Em 1981, um rico homem de negócios Lek Viriyaphant começou a construir sua visão: o Santuário da Verdade em Nakula. Hoje, este impressionante monumento ao espiritismo budista e graça artística tem percorrido um longo caminho, mas ainda precisa de pelo menos mais quinze a vinte anos de trabalho para sua conclusão. A estrutura em si mede uns impressionantes 100 metros de asa a asa e é de 105 metros de altura.
As quatro asas representam as diferentes visões artísticas do budismo na Tailândia, Índia, Camboja, Laos e China. Embora seja considerado um templo que não é visto ou usado de uma forma religiosa, que se destina a aproximar as pessoas através do espiritismo artístico.
O templo fica no final de uma capa sobre o golfo do Sião em Nakula soi 12 em apenas 10-15 minutos fora de Pattaya, na província de Chonburi. O templo em si é totalmente construído em madeira teca. Toda a madeira é moldada e esculpida a mão no local por muitos artesãos tailandeses. Embora a madeira é tratada para o seu ambiente mostra a sua idade em rachaduras e podridão por isso mesmo que o processo de construção está em curso há também a restauração que está sendo feito o tempo todo. A maioria das esculturas, especialmente as grandes, são feitas em pedaços e está tudo se juntou com pinos de madeira ... não são utilizados pregos nunca.
Khun Lek morreu há alguns anos, mas sua família continua a sua visão e faz para uma viagem de um dia incrível que você não deve perder."


Vale a visita, e ainda tem atrações adicionais como FASTBOAT (andamos), charrete (andamos), um pequeno show com musica, dança e luta tailandesas (vimos), passeio de elefante (pulamos essa!) e um show de golfinhos (não deu tempo, deixamos para outro dia).

Aliás, não deu tempo porque ainda iamos almoçar para depois encaminhar o nosso amigo brasileiro para o Aeroporto de Bangkok, de volta a França onde mora. Depois eu conto com calma como foi gostoso para mim (e para toda a minha familia) te-lo um pouco conosco e confirmar tudo o que eu já havia escrito antes de sua chegada...

Nos falamos mais depois, OK?(RC)
Nota (RC): Fotos tiradas hoje.

ÁRVORE GENEALÓGICA (para entender... ops! para rir!)

"-Mãe, vou casar!!! -Jura, meu filho?! Estou tão feliz! Quem é a moça?
-Não é moça. Vou casar com um moço. O nome dele é Julio.
-Você falou Julio... ou foi meu cérebro que sofreu um pequeno surto psicótico?
-Eu falei Julio. Por que, mãe? Tá acontecendo alguma coisa?
-Nada, não... Só minha visão é que está um pouco turva. E meu coração, que talvez dê uma parada. No mais, tá tudo ótimo.
-Se você tiver algum problema em relação a isto, melhor falar logo...
-Problema? Problema nenhum. Só pensei que algum dia ia ter uma nora.. Ou isso...
-Você vai ter uma nora. Só que uma nora... meio macho. Ou um genro meio fêmea. Resumindo: uma nora quase macho, tendendo a um genro quase fêmea.
-E quando eu vou conhecer o meu... a minha... o Julio?
-Pode chamar ele de Biscoito. É o apelido.
-Tá! Biscoito... Já gostei dele. Alguém com esse apelido só pode ser uma pessoa bacana. Quando o Biscoito vem aqui?
-Por quê?
-Por nada. Só pra eu poder desacordar seu pai com antecedência.
-Você acha que o papai não vai aceitar?
- Claro que vai aceitar! Lógico que vai. Só não sei se ele vai sobreviver... Mas, isso também é uma bobagem. Ele morre sabendo que você achou sua cara-metade. E olha que espetáculo: as duas metades iguais...
-Mãe, que besteira... hoje em dia... praticamente todos os meus amigos são gays.
-Só espero que tenha sobrado algum que não seja... pra poder apresentar pra tua irmã.
-A Bel já tá namorando.
-A Bel? Namorando?! Ela não me falou nada... Quem é?
-Uma tal de Veruska.
- Como?
-Veruska...
-Ah, bom! Que susto! Pensei que você tivesse falado Veruska.
-Mãe!!!
-Tá..., tá..., tudo bem...Se vocês são felizes. Só fico triste porque não vou ter um neto...
-Por que não? Eu e o Biscoito queremos dois filhos. Eu vou doar os espermatozóides. E a ex-namorada do Biscoito vai doar os óvulos.
-Ex-namorada? O Biscoito tem ex-namorada?
-Quando ele era hétero. A Veruska.
-Que Veruska?
-Namorada da Bel...
-"Peraí". A ex-namorada do teu atual namorado... É a atual namorada da tua irmã...que é minha filha também... que se chama Bel. É isso? Porque eu me perdi um pouco...
-É isso. Pois é... a Veruska doou os óvulos. E nós vamos alugar um útero.
-De quem?
-Da Bel.
- Logo da Bel?! Quer dizer, então... que a Bel vai gerar um filho teu e do Biscoito. Com o teu espermatozóide e com o óvulo da namorada dela, que é a Veruska?!?...
-Isso.
-Essa criança, de uma certa forma, vai ser tua filha, filha do Biscoito, filha da Veruska e filha da Bel.
-Em termos...
-A criança vai ter duas mães: você e o Biscoito. E dois pais: a Veruska e a Bel.
-Por aí...
-Por outro lado, a Bel..., além de mãe, é tia.. ou tio... porque é tua irmã.
-Exato. E ano que vem vamos ter um segundo filho. Aí o Biscoito é que entra com o espermatozóide. Que dessa vez vai ser gerado no ventre da Veruska... com o óvulo da Bel. A gente só vai trocar.
-Só trocar, né? Agora, o óvulo vai ser da Bel. E o ventre, da Veruska.
-Exato.
-Agora, eu entendi! Agora eu realmente entendi..
-Entendeu o quê?
-Entendi que é uma espécie de swing dos tempos modernos!
-Que swing, mãe?!!...
-É swing, sim! Uma troca de casais... com os óvulos e os espermatozóides, uma hora do útero de uma, outra hora no útero de outra...
-Mas...
-Mas, uns tomates! Isso é um bacanal de última geração! E pior... com incesto no meio.
-A Bel e a Veruska só vão ajudar na concepção do nosso filho, só isso...
-Sei... E quando elas quiserem ter filhos...
-Nós ajudamos.
-Quer saber? No final das contas não entendi mais nada. Não entendi quem vai ser mãe de quem, quem vai ser pai de quem, de quem vai ser o útero, o espermatozóide... A única coisa que eu entendi é que...
-Que...?
-Fazer árvore genealógica daqui pra frente... VAI SER UMA M.!"
(Texto recebido por email, atribuido a Luis Fernando Verissimo - não confirmado)

VOTEM EM MIM!!!!! NOSSO BLOG INDICADO PARA O PREMIO "IX 10 100 TOP"!!!

Pessoal! Eu estou tão animada!  Sem divulgar nem nada eu já fui INDICADA ao The Top 100 International Exchange and Experience Blogs 2010 !!!

"No ano passado, aqui no bab.la portal lingüístico Lexiophiles e lançou o Top 100 blogs e Intercâmbio Internacional de Experiência 2009. Foi gratificante e nós apreciamos realmente trazer a comunidade de blogs internacionais em conjunto, então aqui vamos nós outra vez.
É hora para o Top 100 de Intercâmbio Internacional e Experiência Blogs 2010, também conhecido como IX 10 100 Top."

Puxa! Que legal!! E você, que passou por aqui, e gosta do que vê e lê, clica ai ó:  IX10 - Vote for this Blog  e vota no "UMA ESPOSA EXPATRIADA"!
Obrigada! 
(RC)

NEM TUDO É COMO PARECE (RC)

Realmente, nem tudo é como parece, e andei divagando também acerca do SER x ESTAR em INGLÊS, cujo uso do verbo é o mesmo para os DOIS! Desde muito pequena, quando eu já filosofava sem nem saber o que era a vã filosofia, eu não compreendia como um mesmo verbo (TO BE) podia significar coisas tão diferentes: SER e ESTAR!
Sim, porque as vezes você "ESTÁ" triste, mas NÃO "É" triste. E no inglês ficaria assim: I AM SAD no primeiro caso e no segundo... I AM SAD!!!!!! Não dá!
E pensando no poder das palavras... adicionei alguns FAST WORDS (acabo de inventar esse termo, para dizer: frases de efeito, rapidinhas, e afins) no GADS ao lado: "COMO EU IA DIZENDO...".

E divagando, decidi brincar com ANTONIMOS, mas tentando não buscar o óbvio como: ocupado-desocupado, interessado-desinteressado (esse custei a escolher o antonimo!).
Vamos lá?

  SER                                      ou                            NÃO SER
  feliz                                                                             triste
 do bem                                                                       do mal
  claro                                                                           escuro
 saudável                                                                      doente
inteligente                                                                    burro
 crédulo                                                                        desconfiado
trabalhador                                                                preguiçoso
   gentil                                                                          grosseiro
 da luz                                                                         das trevas
 frutífero                                                                      infértil
 criativo                                                                       ?
 excelente                                                                   mediocre
 culta                                                                          ignorante
 virtuosa                                                                     imprestável
resiliente                                                                   inconformado
generoso                                                                   egoista
  sincero                                                                     hipócrita
comedido                                                                 extravagante
  tímido                                                                   desembaraçado
assumido                                                                    enrustido
interessado                                                                alienado
  arrogante                                                                  humilde
 economico                                                                perdulário
 interesseiro                                                                 ?
 confiante                                                                   inseguro
 que ata (não resisti e aqui escolhi o óbvio)  que desata
que desata                                                                que ata

Pensando bem... nem sempre a primeira é melhor que a segunda... vai depender de que lado você vê a situação... e se está enxergando bem... claro!


Tive um sonho muito louco hoje de manhã! Depois eu conto!
Hoje atrasei o POST da semana... agora vou jantar, vosmicê me dá licença?.
(RC)

"Não permita que tua língua adiante teu pensamento!"
Autor Desconhecido
‎"Fuja do elogio, mas tente merecê-lo"
François Fénelon